Geral

Leão Coragem: onde os fortes e os fracos têm vez

* Ghina Machado, psicóloga com especialização em Prática Neuropsicológica no Instituto de Psiquiatria do Hospital da Clínicas, da Universidade de Medicina da USP.

A peça Leão Coragem é muito interessante, pois ao mesmo tempo que ela provoca a reflexão sobre os diferentes tipos de medo e sobre as fobias, ela traz cenas engraçadas que se aproximam da realidade. Essa mistura faz com que o espetáculo fique leve para o espectador.

O espetáculo mostra e impacta, de forma efetiva, os medos do personagem Leão de viver, de amar, de mudar e, principalmente, de se relacionar com as pessoas. O medo do primeiro encontro ou da primeira tentativa também são ressaltados.

Os atores conseguem enfatizar a angústia do Leão de se sentir incapaz de enfrentar o medos que o afligem. Além disso, a peça sinaliza uma crítica a família que, em muitos casos, não escuta e não estabelece uma relação de empatia com a pessoa que está sofrendo com a Síndrome do Pânico ou com outras fobias.

Ressalto, ainda, que a peça faz com que os espectadores saiam refletindo sobre os seus próprios medos e sobre a importância de ampliar o debate sobre o assunto na sociedade como um todo. É uma peça que faz o espectador sair motivado a enfrentar os desafios e a não de tirar folga da vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s